Interface com a Gestão do Serviço Público

FOUSP Podcasts
Interface com a Gestão do Serviço Público
/

[:pt]”-Professor Botazzo, além do bom senso e da ética, quais seriam as demais qualidades de um bom gestor?”

 

“-Ah eu penso que, além do bom senso e da ética, um bom gestor ele deve ter uma formação ampla, não apenas multi, ele deve ter um sentido interdisciplinar, isto é uma questão básica hoje, ela sempre foi, mas hoje é uma questão fundamental, não apenas você conhecer a disciplina do seu campo de atuação mas você conhecer disciplinas correlatas, você poder fazer essa navegação, esse deslizamento em relação a outros campos do conhecimento essa é uma questão fundamental e ai entra não apenas disciplinas técnicas mas hoje se discute inclusive o ensino das ciências sociais e humanas, das humanidades, como sendo algo fundamental na formação de um bom gestor.

Outro tópico que me ocorre comentar é a questão da criatividade, a criatividade fica parecendo pra muita gente que é apenas uma coisa dos artistas mas a capacidade imaginativa está por trás de todos os processos novos de processos humanos, entendeu? A imaginação tem um papel na ciência, não apenas na arte, um pesquisador sem imaginação é um pesquisador com recursos muito pequenos no ponto de vista da subjetividade, na gestão também por exemplo, os processos de gestão tem que ser processos criativos então a criatividade é uma outra das atribuições, dos componentes do bom gestor, entendeu?

A inovação, quer dizer, se você tem uma formação ampla, multidisciplinar, interdisciplinar, se você é criativo a inovação quase que decorre, você naturalmente você tem então processos inovadores, a impulsão essa pulsão de criar, de inventar, está na base da inovação nos processos gerenciais e nos processos de criação dentro de empresas tanto no setor público quanto no setor privado, então a impulsão, que é característica do gestor que aceita desafios, que cria e que inova.

A flexibilidade eu acho que é uma outra característica de um bom gestor porque se você tem essa formação ampla, se você tem criatividade e tem inovação, você vai ter a autonomia também, e essa flexibilidade é importante, a rigidez eu diria que é inimiga do bom gestor.

E por último sentido de justiça e esta vocação democrática, a gestão democrática é superior eu diria a uma gestão rígida, uma gestão autoritária, uma gestão que não permite, porque, se o gestor tem uma formação ampla, se ele é criativo, se ele é inovador, se ele é flexível, se ele é autónomo, então também o trabalhador tenderá a ser esta pessoa de formação ampla, inovadora, criativa, flexível. Então acho que isso é algo que enriquece e contribui para o processo gerencial como um todo”.[:]

ArabicChinese (Simplified)DutchEnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish